.mais sobre nós

.pesquisar

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
30
31

.posts recentes

. Meu pequeno Pónei

. Dia da Espiga

.arquivos

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.Visitas

Web Site Counter
Free Counter
blogs SAPO
RSS
Sábado, 21 de Junho de 2008

Meu pequeno Pónei

Quem não se lembra do Meu Pequeno Pónei, eu adorava ver os desenhos animados, até tinha alguns Póneis. Querem saber a sua história?

Tudo começou em 1981, quando apareceu um brinquedo para meninas chamado My Pretty Pony ("meu bonito pónei").

Este brinquedo resultou tão bem, que decidiram lançar uma colecção mais completa de póneis para as suas fãs.

  Na nova versão, havia uma colecção de póneis coloridos, todos diferentes uns dos outros, com longas crinas e caudas que se podiam pentear com uma pequena escova que acompanhava cada brinquedo.

Todos os póneis eram diferentes uns dos outros: nas cores, nas crinas e nos desenhos que tinham na garupa. Assim, cada pónei tinha o seu próprio nome e era fácil de identificar.

  Para tornar as coleções mais interessantes, existiam vários tipos de póneis: os que andavam em terra, os póneis marinhos, os póneis pégasos (com asas), os póneis unicórnio, etc.

Durante a década de 80, My Little Pony tornou-se um brinquedo muito, mas mesmo muito popular. Por todo o lado se viam meninas a brincar e a pentear os seus póneis.

  Também nessa época apareceram discos cantados pelos póneis, séries de televisão e até filmes com as personagens pónei favoritas das meninas!

Em 1997, houve um relançamento deste brinquedo, que foi modernizado para agradar às crianças da época.
Em 2003 houve um novo relançamento e, desde então, milhares de póneis foram vendidos em todo o mundo.

  Sabiam que existem coleccionadores de póneis desde que eles apareceram?
E sabes como chamam a cada uma das coleções de póneis que foram lançadas? São as "gerações" 1, 2 e 3 (ou G1, G2, G3)!

 

 

Quem não se lembra? São memórias da nossa infância que fazem manter viva, a criança que há dentro de cada um de nós. É também esse um dos objectivos do nosso blog, recordar a nossa infância.

publicado por lú às 15:09
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 1 de Maio de 2008

Dia da Espiga

    Lembro-me perfeitamente, quando andava no jardim-de-infância e na escola primária, na Quinta-Feira da Ascensão ir apanhar a espiga para o meio do mato.. Era muito divertido, apanhavamos flores, passavamos a manhã ao ar livre, muitas das vezes existiam jogos no ringue desportivo cá da terrinha... Lembro-me de uma vez termos apanhado flores e depois utilizavamo-las para a prenda do Dia da Mãe.
    Deixo-vos a origem deste dia.




    A Quinta-feira da Ascensão é uma festa religiosa católica. Há locais onde é mesmo um dia feriado, como na Chamusca, em Benavente. Celebra a ascensão de Jesus ao Céu, depois de ter sido crucificado e de ter ressuscitado.
E, também, sempre nessa data, celebra-se o Dia da Espiga ou Quinta-feira da Espiga.

  •   Tradicionalmente, de manhã cedo, rapazes e raparigas vão para o campo apanhar a espiga e outras flores campestres.
     Com elas, formam um ramo com: espigas de trigo, folhagem de oliveira, malmequeres e papoilas. O ramo pode também incluir centeio, cevada, aveia, margaridas, pampilhos, etc.

Cada elemento simboliza um desejo:
     - A espiga = que haja pão (isto é, que nunca falte comida, que haja abundância em cada lar)
    - O ramo de folhas de oliveira = que haja paz
    - Flores (malmequeres, papoilas, etc.) = que haja alegria (simbolizada pela cor das flores - o malmequer ainda «traz» ouro e prata, a papoila «traz» amor e vida e o alecrim «traz» saúde e força)


sinto-me:
publicado por lú às 12:35
link do post | comentar | favorito

.links

.Memórias


.Online

who's online